Prefeito inicia Programa Saúde na Porta

Com mais comodidade, Programa começa amanhã no centro de Miguel Pereira

06/08/2018

O prefeito André Português sancionou a nova Lei que cria o Programa Saúde na Porta. A preocupação é garantir que esse programa não paralise e continue mesmo após o ciclo do prefeito André Português. O objetivo desse modelo, que dá mais conforto ao munícipe, é amparar de forma rápida e eficaz aqueles que têm dificuldades em sair do município para fazer os exames de imagem.

A partir do próximo sábado, o Programa iniciará com exames importantes para os moradores de Miguel Pereira. O Programa Saúde na Porta, que foi criado pela Lei Municipal nº 3.246/18, traz a unidade móvel com programação para executar mais de 200 exames a cada visita.

O projeto Saúde na Porta ocorrerá todos os meses, sempre no último sábado do mês. Já nesse sábado, ele estará na Praça João XXVIII, no Centro de Miguel Pereira. Em agosto, estará em Governador Portela. Setembro será a vez de Conrado. A Praça da Ponte receberá no último sábado de outubro. Vera Cruz será atendida em novembro. Assim, a carreta de imagem retorna na mesma ordem, sempre mensalmente e sempre no último sábado do mês.

Os dados levantados na Secretaria Municipal de Saúde ajudaram a montar quais exames eram mais necessários, e os exames oferecidos pelo programa são: mamografia digital, raio X digital, ultrassonografia, densitometria óssea e ecocardiograma. Todos os exames deverão ser agendados na Secretaria Municipal de Saúde do município mediante a solicitação do médico.

"Nossa maior preocupação é com a saúde de nossos moradores e o bem-estar da população é fundamental. Pensando em quem está precisando de exames de imagem como esses é que resolvi trazer o exame até o paciente. Vamos disponibilizar, a cada visita, 200 exames. Nossa maior preocupação é com um atendimento humanizado, de qualidade e que chegue a todos. Certamente, será um dos melhores Programas de meu governo; esse é um programa municipal e com recursos municipais, ele não é federal nem estadual. O que estamos criando aqui rapidamente se estenderá para outras cidades", disse André Português.

Em toda programação, serão distribuídas mudas de espécies nativas da Mata Atlântica.