Do ensino fundamental ao curso de Medicina

Estudante de Miguel Pereira realiza o sonho de não precisar sair da cidade para estudar

07/02/2020 Ensino universitário Edição 280

O jovem Gabriel Esteves, 17 anos, é um dos estudantes que iniciam a histórica primeira turma de Medicina da Faculdade de Miguel Pereira. Nascido e criado em  Miguel Pereira, é um legítimo "filho da terra". Além disso, estudou e se formou na Escola do CEPE.

O que antes era impossível, se torna uma oportunidade de continuar os seus estudos na cidade em que nasceu. Essa oportunidade se deu com o esforço e trabalho do prefeito André Português e do presidente da Fundação Severino Sombra Marco Capute em fazer de Miguel Pereira uma nova cidade.

O curso de Medicina é um marco, assim como foi a abertura da Faculdade de Miguel Pereira. Segundo Gabriel, "estou muito feliz em iniciar minha vida acadêmica na cidade em que nasci". Durante a conversa, foi possível ver sua alegria e ansiedade pelo início do curso. O coração do jovem Gabriel está a "mil por hora".

Gabriel, semelhante a tantos outros, começa a lendária turma "zero um" de Medicina de Miguel Pereira. É um fato extraordinário para eles e para a cidade, que consolida uma nova frente para o desenvolvimento local e para se tornar um polo educacional.

As novíssimas instalações do prédio de Medicina, juntamente com a construção do novo hospital de Miguel Pereira, colocaram o curso em um status diferenciado, certamente um dos melhores do Brasil. Quem ganha com isso são as centenas de jovens da cidade, como o Gabriel, e a economia local, que terá um novo público consumidor muito importante.