Prefeitura de Paty do Alferes recebe oficina sobre ICMS Verde

Município é destaque por conta das suas 10 Unidades de Conservação Ambiental

06/03/2020 Meio Ambiente Edição 284

A Prefeitura, através da Secretaria de Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, sediou uma oficina temática sobre implementação e gestão de unidades de conservação municipais no dia 4/3 no Centro Cultural Maestro José Figueira. De acordo com o secretário da pasta André Dantas, essa iniciativa tem como objetivo apresentar, de forma preliminar, o cenário das unidades de conservação municipais do estado do Rio de Janeiro e as informações relacionadas ao Formulário Cadastral para composição do Índice de Áreas Protegidas Municipais no âmbito do cálculo do ICMS Ecológico do estado.

Evento visa ampliar o ICMS Verde e a receita do município

O evento foi importante para o município no sentido de esclarecer os principais requisitos exigidos para pontuação no ICMS Ecológico, principalmente no item "Unidade de Conservação", que pontua pelas melhores práticas de gestão de áreas protegidas. Paty do Alferes possui dez unidades de conservação, sendo nove públicas e uma particular (RPPN). A RPPN e o Refúgio de Vida Silvestre Palmares foram criados na administração Juninho Bernardes/Arlindo Dentista, e já pontuam no ICMS Verde. O evento contou também com a participação dos municípios de Mendes e Paraíba do Sul.

O secretário André Dantas destacou a política ambiental de Paty: "Nosso município hoje é referência no estado. Implementamos e ampliamos o projeto Coleta Seletiva Porta a Porta (que atende 12 bairros de nossa cidade), fizemos o reflorestamento de Palmares com mais de 5.500 mudas de Mata Atlântica, reformamos e estruturamos o Horto Municipal, implementamos em todas as escolas o Projeto de Educação Ambiental, realizamos oficinas de bombas de sementes e apoiamos a criação de novas Unidades de Conservação, entre outras ações". Todas estas são políticas públicas pautadas pelo prefeito Juninho Bernardes e pelo vice Arlindo Dentista, que têm uma preocupação pelo desenvolvimento sustentável do município.