Prefeito André Português e vice Pedro Paulo Quinzinho cortam 50% dos próprios salários

Vereadores devolvem 150 mil para a Prefeitura em apoio à luta contra o coronavírus

24/04/2020 Economia municipal Edição 291

O prefeito de Miguel Pereira André Português anunciou a redução de seu salário e do vice-prefeito Pedro Paulo Quinzinho em 50%. Além da redução dos salários das autoridades, também serão reduzidos os dos secretários municipais e de profissionais em cargos comissionados do município.

Os recursos vão para a Saúde

O anúncio foi feito ao vivo nas redes sociais do prefeito diante de centenas de espectadores que acompanham os pronunciamentos do mesmo. Segundo André Português, a ação visa o aumento do aporte financeiro nas ações de combate ao coronavírus no município de Miguel Pereira.

A administração municipal aponta que, além da redução no salário do prefeito André Português e do vice-prefeito Pedro Paulo Quinzinho em 50%, a medida também visa o corte de 15% nos vencimentos dos secretários municipais e dos profissionais em cargos comissionados.

Prefeito

"Estamos fazendo mais essa ação de responsabilidade diante da pandemia. Os valores serão destinados às famílias que mais necessitam neste momento. Agradeço à Câmara Municipal que, alinhada ao poder Executivo, destinou também 150 mil reais à Prefeitura para ações de combate ao coronavírus", disse o prefeito.

Social receberá recursos da Câmara

No mesmo pronunciamento, o prefeito André Português anunciou a devolução de 150 mil reais feita pela Câmara de Vereadores. O valor, fruto de economia, será revertido em ações na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação no momento da pandemia.

Prefeito

"Agradeço aos funcionários por compreenderem e apoiarem minha decisão diante da pandemia, sabendo que os valores serão aplicados em causas justas e que são de extrema prioridade neste momento. Também agradeço aos vereadores Wania de Conrado, Domi, Vitor Ralha, Anderson Liberato, Cléber do Táxi, Kiki, Sinho, Roberto Pitanga, Marquinhos Gordo e Albino Portela por tomarem a decisão de auxiliar neste momento com 150 mil reais, estes que serão destinados à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, ajudando, assim, pessoas que realmente precisam neste momento", finalizou o prefeito.