Semana astrológica cujas energias, que eram até agora cancerianas, se tornarão leoninas, com a entrada de Mercúrio e o Sol em Leão.

Cartas na Mesa

 15/07/2022     Astrologia e tarologia      Edição 406
Compartilhe:       

Semana astrológica cujas energias, que eram até agora cancerianas, se tornarão leoninas, com a entrada de Mercúrio e o Sol em Leão. Isso quer dizer que os olhares saem dos âmbitos familiares e voltam-se para nós mesmos. É uma época excelente para percebermos quais são as nossas qualidades e potencialidades, mostrando ao mundo quem somos. Parabéns aos leoninos que, com o Sol em seu signo, brilharão ainda mais!

Os cuidados a se tomar são em relação aos conflitos verbais. Mercúrio e Plutão estarão em oposição logo no início da semana, podendo causar discussões sobre questões que normalmente conseguimos calar. A maneira de expô-las pode vir de uma forma ríspida, por isso calcule a intensidade para não atropelar o outro.

Na quarta, a Lua ficará minguante e, nessa fase, ela nos convida a esquecer tudo o que não nos agrega mais valor. Tudo o que tentamos e não deu certo, tudo o que percebemos que não vai fazer falta, sejam sentimentos ou bugigangas. Lua minguante nos convida a "destralhar". Vai o que pesa e deixa espaço para novas emoções.

Conselho geral do Tarot

A carta da Força simboliza o signo de Leão e convida-nos a usar a nossa força interior para lutar contra as nossas fraquezas, mas, ao mesmo tempo, demonstra a nossa potência por fora. É a carta que nos diz "Você é capaz!". Ela nos traz a certeza de que tudo o que fazemos com lucidez, planejamento e afinco se torna realidade.

Relacionamentos

Domingo, Vênus entra em Câncer e a nossa amorosidade volta-se para aqueles que nos rodeiam, os nossos queridos. Ameniza conflitos, pois estimula a empatia. A carta da Ascensão nos impulsiona a transcender os obstáculos. Curando feridas, os relacionamentos crescem e se expandem.

Profissional

A Foice diz que provavelmente existe um desconforto com o qual você está tendo que lidar e de que, provavelmente, não sabe exatamente como se livrar. E como não dá para carregar a pedrinha no sapato para sempre, o ideal é que você a encare de uma vez, mesmo que isso pressuponha mudanças. Não engula o problema. Se você tomar coragem agora, não vai precisar do Rivotril depois.